25 junho 2010

Pensando e só!

.
Ás vezes a vida parece complicada demais para ser levada a sério. Nessas horas o que mais queremos é sentar em um metafórico banco de praça com um saquinho de pipoca à mão e uma garrafinha bem gelada de coca-cola e assim apenas observar o que se passa no mundo quando não estamos presentes nele.
É a agonia do um-dia-atrás-do-outro, um dia a mais, um dia a menos, enfim, aquela ansiedade de não sei o quê, que está por vir. As responsabilidades aumentam a cada segundo que passa. O cuidado com nosso bem-estar. A vontade de largar tudo para o alto e sair correndo como se o mundo estivesse acabando certamente já passou pela cabeça de muita gente por aí ou quem sabe de toda essa gente. Ninguém é perfeito. Duvido que exista alguém que nem sequer por um segundo teve um pensamento relâmpago de não querer estar naquele local... não ter que ir trabalhar... não ter que ir para a escola apresentar aquele projeto.
Acho que a vida está nos cobrando algo. Só falta tempo para descobrir o que é.


Pensei muito nisso escutando uma música hoje. Vamos brincar, sorrir, dançar e se divertir enquanto podemos. Somos jovens -para quem os são- e a vida não vai voltar para fazermos tudo novamente.

Keel

5 comentários:

Daniela disse...

Eu já fiz muito isso.. Sentar num banco da praça - fingindo estar lendo um jornal - para obervar as pessoas.. Apenas observar =D

As vezes, isso é bom :)

bjs

" ) disse...

Noossa qi texto legal, gostei bastante.. to seguindo o blog vou passar por aqi sempre agora *-*

da uma passadinha no nosso tambem
http://minds-travelers.blogspot.com

bjos

Flávia Diniz. disse...

'a vida não vai voltar para fazermos tudo novamente.
'

é verdade!

Beijos, flor.

Gêsa disse...

Dá um medo num dá? De que a vida passe e não tenhamos feito nada, de notável, que não tenhamos aproveitado o bastante? Eu tenho.

Belo texto, (:

Graziely Marchese disse...

Vivo fazendo isso, observando todo mundo, tudo a minha volta. Acho que é bom pra todo mundo deixar de ser você mesmo por uns instantes. Só não concordo com a parte da coca-cola, porque não tomo refrigerante. kkkkkk